abril 16, 2010

Renato Russo


Impossível ser apaixonada por rock dos anos 80 e não admirar Renato Russo.
Um exemplo de força e amor.
Suas músicas ousaram os limites do governo, da repressão e do preconceito.
Ele tava certo quando disse que o mal do mundo é a solidão.
Um gênio, pois conseguia enxergar tudo que os outros se recusavam a ver.
Um cara que fez história mas que morreu de uma forma tão sofrida. E há quem diga que por amor escolheu a morte.
E suas letras sempre tem algo a mais. Quem não se identificou com " Tempo Perdido"??
 "Quem me dera ao menos uma vez entender como um só Deus ao mesmo tempo é três". Ìndios é uma das músicas mais verdadeiras que já vi.
"Que país é esse ?" é a realidade do Brasil.
" A via láctea" é o incentivo que todos precisam pra não desistir.
 Entre  muitas outras, que acabei me tornando legionária.

Bem, outro dia escrevo mais sobre esse magnífico poeta. E como dizia ele mesmo: " Força Sempre!!"

Um comentário:

Bleffe disse...

Quer ajudar as vítimas das chuvas no RJ e não sabe como? O Bleffe tem uma alternativa:

http://bleffepoprock.blogspot.com/2010/04/bleffe-na-ajuda-as-vitimas-das-chuvas.html